_87A1579©ALIPIOPADILHA.jpg

Toca

28 de Julho de 2019 (anteestreia) - micro FIAR (palmela)

5 de Outubro de 2019 (estreia)

Teatro O Bando

Palmela, Portugal

“Toca” é um esconderijo no qual o público é convidado à gravidez, numa exploração dramatúrgica que despe a mulher-atriz de si, descendo até ao seu interior, ao âmago da gravidade do seu corpo em pensamento (gravidez deriva do latim 'gravis', que significa peso e dá origem também às palavras 'grave' e 'gravidade').


Um espetáculo-instalação que procura um novo centro de equilíbrio, experimentando exteriorizar o interior do corpo e da voz, devassando a intimidade que, no fundo, Deus quis que fosse sempre visível – ou as barrigas das mães não cresceriam para fora, para os olhos de todos, e sim para dentro.

 

Um espetáculo, sim, de gravidade e graça, como uma funambulista que se equilibra entre o peso do corpo e a leveza dos sonhos.

_87A1724©ALIPIOPADILHA_edited.jpg

FICHA TÉCNICA E ARTÍSTICA

Criação e Interpretação: Cátia Terrinca

Dramaturgia: José Pinto

Cenografia: Bruno Caracol

Sonoplastia: Diogo Rodrigues

Desenho de luz: João P. Nunes 

Fotografia: Alípio Padilha

Produção: UMCOLETIVO 

Apoio à Criação: Ricardo Guerreiro Campos

Apoios: Teatro O Bando, FIAR

#17 Projeto UMCOLETIVO