Toda a boca tem um céu, um sul, um sonho. 
O nosso sonho foi juntar as várias geografias da língua portuguesa, falando em forma de música, teatro e gastronomia. 

Corram (ou venham vindo devagarzinho, como se faz a sul do tejo e do mundo) à Casa Tangente, em Elvas, para ver Tchon di Balanta, de Welket Bungué, e Bandeira, de Luca Argel. A partir das 19h, as gastronomias andam à solta pela Casa Tangente e o Luca Argel afina o final de tarde. Pelas 20h30, voamos até à Guiné-Bissau, com a afro-performance do Welket Bungué. A partir das 22h, deixamos a conversa florir como as estrelas no céu. Não faltam motivos... por isso, que não faltem também amigos para nos acompanhar :)

---

BANDEIRA, Luca Argel (concerto)

Em formato simples e mais adequado a espaços com atmosfera intimista, o concerto de Bandeira envolve o espectador em canções que exploram as possibilidades mais líricas e poéticas do samba, através da voz suave de Luca Argel.
Acompanhado apenas de guitarra, o repertório consiste majoritariamente em temas originais do disco, bem como algumas versões de grandes compositores brasileiros, como Noel Rosa e Gilberto Gil, e até versões de temas de autores portugueses, como José Mario Branco e Sérgio Godinho.

Página facebook: www.facebook.com/lucargel
Site oficial: www.lucaargel.com

TCHON DI BALANTA, Welket Bungué (afroperformance)

Guiné-Bissau, Portugal, Brasil, Cosmo. O universo e três culturas distintas se reúnem num só corpo, voz, indivíduo. O migrante tem origem, o nacionalizado permanece estrangeiro, o cidadão é ainda um ser livre e ao mesmo tempo politizado?! Balantas são originários da Guiné-Bissau, país situado na costa ocidental da África, e Welket é hoje também e ainda balanta, mas cresceu numa Europa pós-moderna, viveu em Portugal e no Brasil. 'TCHON Di BALANTA', é dança, movimento e musicalidade que se inscrevem sob o desejo de um indivíduo desbravar o que lhe resta da sua herança cultural de origem africana, e o homem pós-moderno europeu-ocidentalizado em que se viu tornar.

Direção: Welket Bungué | Performer, Dramaturgia e Produção: Welket Bungué | Fotografia de Cena: Kristin Bethge | Textos: Paulo T. Bungué & Welket Bungué I Cortesia de imagens: Miguel de Barros | Edição Vídeo: Welsau Bungué – WBTVChannel | Músicas: José Carlos Schwarz

-----

Casa Tangente, 9 de Junho, 19h

Estrada das Fontainhas, 18

Entrada Exclusiva a Amigos UMCOLETIVO, sujeita a contribuição mínima de 4eur

Reserva aconselhada (dada a limitação de lotação) através do 935 039 151 e do geral.umcoletivo@gmail.com

SUL DA BOCA

encontro de culturas de língua portuguesa

Sexta Feira, 09 de Junho de 2017
19h30 - 00h

LUCA ARGEL (Bandeira - Concerto)

WELKET BUNGUÉ (Tchon di Balanta - Performance)